2015

Tag: Confissões de um bibliógrafo

segunda-feira, abril 27, 2015

Olá galerinha que faz tempo que não vejo! Já tinha dito que esse ano ia ser beeeem mais corrido que o anterior, época de vestibular, etc, então perdão novamente... Ainda bem que essa fase passa.
Bem, hoje farei uma tag que vi no blog da parceira A Rosa do Príncipe, e que achei super legal. Vamos lá:

1. Qual é o gênero da literatura de que você se mantém longe?
Hmmm....... Essa é difícil....... Nenhum! Não se biografia é um gênero (acho que não, né), mas caso seja uma resposta válida, essa é a minha. Eu leio todo tipo de livro, poxa! Claro que tenho meus preferidos e tal, mas não tem nenhum do qual eu mantenha distância.

2. Qual é o livro que você tem na estante e tem vergonha de não ter lido?
Nárnia. Eu até tentei começar a ler, mas achei muito maçante... Mas, como todos (99%) dos que leram gostaram muito, tenho vergonha de não ter conseguido passar da página 100. Eu adoro os filmes, e a história é incrível, mas o livro não desceu.

3. Qual é o seu pior hábito enquanto leitor(a)?
Ler deitada!!!! Faz mal tanto pra minha coluna quanto pros meus livros. Isso porque, quando eu deito, apoio o livro na barriga, e às vezes a parte de baixo do exemplar "amassa", não sei... Tenho que parar com isso.

4. Você costuma ler a sinopse antes de ler o livro?
LÓGICO! Exceções quando a capa do livro e as críticas sobre ele são maravilhosas... Aí compro e começo a ler sem nem mesmo ler do que se trata a história. 

5. Qual é o livro mais caro da sua estante?
Meu Deus, não faço a menor ideia. Eu não tenho coragem de pagar caro em um livro, mesmo que ele esteja no topo da minha wishlist. Sempre espero abaixar o preço, ou compro na internet, mas nunca pago mais do que 40 reais... Então não sei.

6. Você compra livros usados/em sebo?
Olha, sempre entro em sebos (tem um embaixo do meu colégio) mas nunca compro nada, muito raro. Mas tenho vários livros usados, tipo A Menina que roubava livros Marley & Eu, que eu peguei quando fui vender/trocar algumas obras velhas - que é a maneira mais comum de eu adquirir algo do sebo.

7. Qual é a sua livraria (física) preferida?
Livrarias Curitiba! (Ou Livrarias Catarinense, mas no caso da minha cidade é Curitiba mesmo.) É a que eu mais visito sempre, e apesar de não ter muitas outras com que comparar, acho que é uma das melhores do Sul. :)

8. Qual é a sua livraria online preferida?
Não é uma livraria, mas eu não compro livros online a não ser por esse site, então só tenho essa resposta: Submarino.com.br. Minhas compras nunca vêm com defeito, e eu nunca tive nenhum problema com pagamento, preço ou outra coisa do tipo.

9. Você tem um orçamento (mensal) para comprar livros?
Não, hehe. Se eu gostar muito, mas muito mesmo, e tiver dinheiro, eu compro. Principalmente nas férias, porque nunca consigo ler muitos livros em época de aula mesmo. :'( Aí acabo comprando quando sei que vou ler bastante, pra não ficar acumulando leituras.

10. Quem você "tagueia"?
Todos que quiserem responder a tag!

Então, o que acharam? Achei divertido! Até porque fazia uns meses que não respondia tag aqui no blog né, haha.
Beijocas, e até o próximo post!
LEIA MAIS... »

2015

Lançamentos NC - Maio!

sexta-feira, abril 17, 2015

Olá pessoal! Hoje vim trazer os lançamentos de maio da nossa parceira Novo Conceito. Muito livros bons, fiquei com vontade de comprar todos haha. Olhem só:


A Lista

Autor(a): Cecelia Ahern
Gênero: Drama
Nro Páginas: 384
ISBN: 9788581636832
Sinopse:
Kitty Logan tem 32 anos e aos poucos está perdendo tudo o que conquistou: sua carreira está arruinada; seu namorado a deixou sem um motivo aparente; seu melhor amigo está decepcionado com ela; e o principal: sua confidente e mentora está gravemente doente.
Antes de morrer, Constance deixa um mistério nas mãos de Kitty que pode ser a chave para sua mudança de vida: uma relação de nomes de pessoas desconhecidas. É com base neles que Kitty deverá escrever a melhor matéria de sua carreira.
Quando começa a ouvir o que aquelas pessoas têm a dizer, Kitty aos poucos descobre as conexões entre suas histórias de vida e compreende por que foi escolhida para dar voz a elas.

Apenas um ano

Autor(a): Gayle Forman
Gênero: Romance
Nro Páginas: 352
ISBN: 9788581636719
Sinopse:
Em Apenas um Dia, os momentos de paixão entre Allyson e Willem foram interrompidos de maneira abrupta, lançando a jovem em um abismo de questionamentos e dor. Agora a história é contada pela voz de Willem. Sem saber exatamente o que o atraiu na garota de olhos grandes e jeito comportado, o rapaz inicia uma busca obsessiva por pistas que levem até a sua Lulu mesmo sem saber sequer o seu nome verdadeiro.
Enquanto tenta compreender o mistério que os separou, Willem se esforça para costurar relacionamentos desgastados e procura respostas para o futuro. Mais do que uma aventura de verão, o encontro em Paris significou para ele o início da vida adulta. Da mesma autora dos best-sellers Se Eu Ficar e Para Onde Ela Foi,
Apenas um Ano reúne todos os ingredientes de um romance imperdível: viagens, saudade, encontros, desencontros e amor.


Bom Dia, Sr. Mandela

Autor(a): Zelda la Grange
Gênero: Biografia
Nro Páginas: 432
ISBN: 9788581636184
Sinopse:
Bom Dia, Sr. Mandela conta a extraordinária história de uma jovem que teve suas crenças, preconceitos e tudo em que sempre acreditou transformados pelo maior homem de seu tempo. A incrível trajetória de uma datilógrafa que, escolhida para se tornar a mais leal e devotada assessora de Nelson Mandela, passou a maior parte de sua vida trabalhando ao lado do homem que ela passaria a chamar de Khulu , ou avô.


Primeiro e Único

Autor(a): Emily Giffin
Gênero: Romance
Nro Páginas: 448
ISBN: 9788581635972
Sinopse:
Shea tem 33 anos e passou toda a sua vida em uma cidadezinha universitária que vive em função do futebol americano. Criada junto com sua melhor amigas, Lucy, filha do lendário treinador Clive Carr, Shea nunca teve coragem de deixar sua terra natal. Acabou cursando a universidade, onde conseguiu um emprego no departamento atlético e passa todos os dias junto do treinador e já está no mesmo cargo há mais de dez anos.
Quando finalmente abre mão da segurança e decide trilhar um caminho desconhecido, Shea descobre novas verdades sobre pessoas e fatos e essa situação a obriga a confrontar seus desejos mais profundos, seus medos e segredos.
A aclamada autora de Questões do Coração e Presentes da Vida criou uma história extraordinária sobre amor e lealdade e sobre uma heroína não convencional que luta para conciliá-los.
----------------

Gostaram de algum?? Em breve terá resenha de alguns deles no blog!
Beijocas, bom feriado! <3
LEIA MAIS... »

2015

[Resenha] Supernova: O Encantador de Flechas

terça-feira, abril 14, 2015

Título: Supernova: O Encantador de Flechas
Autor: Renan Carvalho
Editora: Novas Páginas (Novo Conceito)
Ano: 2015
Páginas: 427
Nota: 



Imersa em uma ditadura implacável, a isolada cidade de Acigam sofre com a ameaça da guerra civil. De um lado, a Guilda, um grupo que utiliza os ensinamentos da Ciência das Energias para exigir direitos para a população. Do outro, um governo tirano, resguardado por soldados especialistas em aniquilar magos nome vulgar dado aos praticantes da tal ciência. No meio desse conflito vive Leran, que, após ser tragado para a rebelião, tenta aprender mais sobre sua misteriosa habilidade de encantar objetos com a energia dos elementos.
Com uma narrativa envolvente e reviravoltas incríveis, Supernova: O Encantador de Flechas é um livro que vai arrebatar os fãs de fantasia.

Renan Carvalho, caso você esteja lendo isso saiba que você mereceu muito ter seu livro publicado pelo selo Novas Páginas! Você é demais!!!
A história inicialmente me lembrou Divergente, por causa de um detalhe que não posso contar, pois seria um spoiler, mas acho que dizendo isso já dá pra entender mais ou menos o que quero dizer.
Supernova é uma distopia incrível, que me prendeu da primeira à última página, e me deixou hiper ansiosa pela continuação. A escrita do Renan é bastante enérgica, o que dá um ritmo acelerado pra narrativa - perdi o fôlego várias vezes - e que não deixa nada a desejar. Adorei! 
Além da originalidade e das fortes surpresas, o que mais me chamou a atenção foi a magia presente em toda a obra. Eu a-m-o-d-o-r-o mitologia, fantasia e outras coisas relacionadas à ficção, e deve ser por isso que eu me apeguei tanto à história. Logo no prefácio já fiquei meio "OMG!!!!!!!", porque foi um ótimo início, de fato... E ótimo desenvolvimento também... E ótimo desfecho... Quando que sai o volume 2, mesmo?
Pois bem: não costumo indicar literatura brasileira, até porque leio mais a estrangeira, mas esse livro merece ter um lugarzinho especial na estante de cada um!! Renan Carvalho conseguiu escrever uma obra única, genial e com tudo a que nós, leitores, temos direito. Ah, e obrigada Novo Conceito por divulgar esse escritor incrível!
Então amigos, façam o favor de ir IMEDIATAMENTE até a livraria mais próxima e comprar um exemplar dessa obra maravilhosa, obrigadinha. (Não irão se arrepender, prometo.)

Beijos, e até a próxima resenha!
LEIA MAIS... »

2015

[Resenha] Fingindo

domingo, abril 12, 2015

Título: Fingindo
Título Original: Faking it
Autora: Cora Carmack
Editora: Novo Conceito
Ano: 2015
Páginas: 332
Nota: 



"Já era hora de começar a viver, de realmente aproveitar minha vida. E eu acabara de conhecer alguém que sabia mesmo como aproveitar a vida"


Fingindo, é o segundo livro de uma "trilogia", onde os personagens de um livro aparecem no outro livro e tal. Esse livro chegou de parceria antes de eu ler Perdendo-me, o primeiro livro, mas arrisquei a leitura e fiquei feliz por entender toda a história sem ler o primeiro. Esse livro é incrível! Não vejo a hora de ler os outros dois, porque amei.

Fingindo conta a história de Mackenzie, uma garota perigosa, linda, e que tem um passado meio ruim; e a história de Cade, um rapaz que está no mestrado de Artes Cênicas, todo certinho, e que quer tudo perfeito. 
Max (como ela prefere ser chamada), cheia de tatuagens e cabelos coloridos tem um namorado que os pais detestariam conhecer. E aí, quando ela está num café e recebe uma ligação dos pais dela dizendo que estão na cidade para vê-la, ela manda o namorado embora e pede para um rapaz que ela não conhecia e que estava na cafeteria fingir ser seu namorado. E o rapaz era o Cade, que aceita fingir pois ele é um ator.
Como os pais de Max são todos certinhos e desaprovam como a filha deles realmente é, Max também finge que é quem na verdade não é. O nome do livro faz todo sentido: os dois sempre estão fingindo.
Cade aceita passar o Dia de Ação de Graças com seus pais, e o fingimento de uma tarde, acaba virando fingimento de 24 horas (e depois, de semanas).  Mas com todo esse fingimento, eles acabam gostando um do outro, apesar de serem completamente diferentes.

A narração separadas em duas visões diferentes -  um capítulo ele, um capítulo ela - foi a medida certa pra gente ver os dois lados desse romance complicado e quente.
No início achei meio clichê, mas depois acontecem tantas reviravoltas que não tem como explicar. 
Torci o livro todos pra eles ficarem juntos, mas tinha hora que eles me irritavam. Porém, amei do mesmo jeito e não vejo a hora de lançarem  "Encontrando-me"
Acho que não há livro como esse! Todos deviam ler!.
LEIA MAIS... »