[Resenha] Achados e Perdidos

domingo, setembro 25, 2016

Título: Achados e Perdidos
Título Original: Lost & Found
Autora: Brooke Davis
Editora: Galera Record
Ano: 2016
Páginas: 252
Nota: 

"Como envelhecemos sem deixar a tristeza tomar conta de tudo?"


      Millie, Karl e Agatha.
     Millie tem apenas 7 aninhos e toda a esperança do mundo. Um dia, após a morte de seu pai, sua mãe a leva a uma loja de departamentos e pede que ela espere ali porque vai sair por um instante... mas nunca mais volta;
     Karl tem 87 anos anos e é, digamos, um digitador. Antigamente, ele usava a pele da mulher como um teclado para digitar frases de amor. Atualmente, como ela se foi, ele digita as palavras no ar enquanto fala. Há algum tempo, seu filho o colocou em um asilo, mas ele resolveu fugir e se tornar um fugitivo;
    Agatha tem 82 anos e vive em estágio avançado de depressão. Não sai mais de casa desde que ficou viúva há 7 anos e passa seu tempo gritando com as pessoas que passam em frente a sua casa, assistindo à estática da tv e anotando seus afazeres em seu diário;
    Os três, ao serem unidos pelo destino, partem em uma jornada pela Austrália em busca da mãe desaparecida de Millie, que promete ser repleta de encrencas, contratempos e momentos de tirar o fôlego.

     Fiquei maravilhada com a história desde que li a sinopse. Millie é uma menininha incrível, que parece saber muito mais do que as crianças comuns de 7 anos de idade. Fiquei com pena dela, e pude sentir o abandono e a solidão que estava tomando conta de sua mente depois do que ocorreu. Karl também me conquistou, com sua saudade sincera da esposa e sua vida mediana. Ele amou muito na vida, e seu profundo luto me tocou bastante. Ah, e o que falar da Agatha? Que mulherzinha rabugenta! Mesmo assim, guardei um espaço pra ela em meu coração. Ela é sincera demais, um pouco maldosa, mas sua personalidade é realmente incrível. 
     Resumindo, os três protagonistas são uns amores (mas não no sentido literal da palavra).
    O modo como a autora escreveu o livro também me cativou: narrativa em terceira pessoa, sob o ponto de vista de cada um dos três personagens principais. A escrita dela é bem dinâmica, e em nenhum momento me senti fatigada ou com sono. Ponto positivíssimo.
     Porém, amigos, o que mais gostei na leitura foi a sacada da história. Não sei se vocês já leram A Improvável Jornada de Harold Fry, mas devem saber que é sobre um idoso que atravessa a Inglaterra a pé para visitar uma antiga amiga com câncer terminal. E a graça dessa história foi a autodescoberta de Harold durante toda a viagem. E sim, me lembrei desse livro ao ler Achados e Perdidos. Aos poucos você percebe que a história não se trata de achar ou não a mãe de Millie, mas sim de aprender com as pessoas e com o mundo real. A jornada muda certas visões dos três, principalmente da pequena Millie. Ela percebe que não pode mais ser tão ingênua e confiar tanto nos outros. Eles podem ser decepcionantes às vezes.
    Enfim... a obra em questão é magnífica, e pode agradar leitores de todas as idades e dos mais diversos gostos literários. É uma história comovente, que mostra que velhice nem sempre é sinônimo de morte, e que o mais novos podem ter tanta sabedoria quanto os mais velhos.
     Leiam o livro, por favor! E espero que tenham gostado da resenha, beijocas!

You Might Also Like

8 carinhos.

  1. Eu gosto desses livros que conseguem agradar todo mundo. Não conhecia esse livro ainda, gostei de ter conhecido um pouco pela sua resenha. Está ótima. Beeijo

    www.leitorasvorazes.com.br

    ResponderExcluir
  2. Tenho muita vontade de ler esse livro e achei muito interessante. ♥
    Quero ler esse título e espero gostar.
    Art of life and books.

    ResponderExcluir
  3. Hey!

    Já vi esse livro e algumas resenhas, e fiquei mega curiosa. A capa é uma lindezinha.
    Amei a resenha.
    :)

    Beijos,

    http://tordodemorango.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Adorei a resenha do livro e gostei muito da história, ela nos ensina de uma certa forma e eu adoro ler livros assim.
    Vou procurar para ler hoje mesmo. hehe
    Beijos. ♥

    Diário da Lady

    ResponderExcluir
  5. Não conhecia esse livro, mas fiquei com muita vontade de ler, parece ser um livro muito agradável. Adorei a resenha!
    Beijos
    Bluebell Bee

    ResponderExcluir
  6. Oi Maria,
    Esse livro parece ser incrível! Eu gosto de histórias assim, que nos mostram lições diferentes dos demais livros.
    Com certeza vai para a lista de leitura.
    Bjs e uma ótima noite!
    Diário dos Livros
    Siga o Twitter

    ResponderExcluir
  7. Oi, Maria. Tudo bem?
    Estou com esse livro aqui para ler e não vejo a hora.
    Gosto muito da sinopse e tenho altas expectativas sobre ele. Gostei de saber sua opinião tão positiva, só me deixa mais animado.

    Bjão.
    Diego, Blog Vida & Letras
    www.blogvidaeletrasblogspot.com

    ResponderExcluir

Deixe um comentário, ele é importante pra nós. Mas primeiro, leia o post, por favor!

Obrigada!