[Resenha] O Teorema Katherine

terça-feira, maio 06, 2014

O Teorema Katherine, de John Green, publicado pela editora Intrínseca, com 304 páginas.




Após o mais recente e traumático pé na bunda, o Colin que só namora Katherines resolve cair na estrada. Dirigindo o Rabecão de Satã, com seu caderninho de anotações no bolso e o melhor amigo no carona, o ex-garoto prodígio, viciado em anagramas e PhD em levar o fora, descobre sua verdadeira missão: elaborar e comprovar o Teorema Fundamental da Previsibilidade das Katherines, que tornará possível antever, através da linguagem universal da matemática, o desfecho de qualquer relacionamento antes mesmo que as duas pessoas se conheçam.



Eu li esse livro à milênios e peço desculpa de postar a resenha deste livro só agora, talvez tenha sido minha falta de compaixão ou ter tido compaixão demais.
Green, mais uma vez, detonando meus feelings.
Como vocês sabem, eu me chamo Khatherine, e lendo este livro (maioria das vezes) eu pensava que ele estava se referindo à mim, o que me deixou: 1) chocada 2) triste 3) ainda estou querendo saber o que estou sentindo. Tragédia. E como todo mundo sabe, o Green é conhecido por ser autor de obras, digamos assim, trágicas. 
Este livro é minha obra favorita do Green pois trata de um cara quase normal, a única anormalidade dele é que ele é atraído por Katherines (teve 19 namoradas chamadas Katherine), e todas elas quebraram o coração dele. 
O amor retratado no livro e a amizade que Colin compartilha com Hassan me deixaram meio Gwen (Gwen Stacy, morta, entendeu???) Na verdade, o que me fez ler o livro foi o Hassan, por causa das piadinhas com islamismo extremamente desnecessárias porém extremamente engraçadas.
Vamos falar do Hassan: ahhhh o Hassan!! Ele foi um dos personagens mais geniais que o Green já criou, extremamente sarcástico, irônico e engraçado, faz você perder a noção do tempo por ser quem ele é. Amodorei o Hassan... Hassan eu te amo.
No decorrer do livro, Colin tenta resolver um teorema que ele mesmo criou (devem ler o livro pra saber o que o teorema é sobre... Mesmo que é self explanatory) e é tão engraçado quando ele finalmente "acha" a resposta. Bom, pra mim foi.
Eu amei demais esse livro, recomendo à todo mundo, nota 11!


You Might Also Like

2 carinhos.

  1. Eu já tinha lido esse livro e eu achei ele muito interessante! Acho que o John Green é um bom escritor, mas que é "venerado" demais, sendo que existem escritores melhores que ele e que fizeram livros muito bons, mas que não foram reconhecidos.
    Adorei a resenha :)

    Beijos, itsbooksforever.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Penso igual você! O livro é bom, mas o Green é venerado demais. Existem muitos outros autores tão bons quanto. Obrigada pelo comentário, beijos!

      Excluir

Deixe um comentário, ele é importante pra nós. Mas primeiro, leia o post, por favor!

Obrigada!