[Resenha] Anjos e Demônios

quarta-feira, janeiro 29, 2014

Anjos e Demônios, de Dan Brown, publicado pela editora Arqueiro, com 474 páginas.


"Havia muitas perguntas e, no entanto, as respostas pareciam provocar apenas perguntas mais profundas."



Às vésperas do conclave que vai eleger o nono Papa, Robert Langdon é chamado às pressas para analisar um misterioso símbolo marcado a fogo no peito de um físico assassinado em um grande centro de pesquisas na Suíça.
Ele descobre indícios de algo inimaginável: a assinatura macabra no corpo corpo da vítima - um ambigrama - é dos Illuminati, uma poderosa fraternidade considerada extinta há 400 anos.
A antiga sociedade ressurgiu disposta a levar a cabo a lendária vingança contra a Igreja Católica, seu inimigo mais odiado. De posse de uma nova arma devastadora, roubada do centro de pesquisas, ela ameaça explodir a Cidade do Vaticano e matar os quatro cardeais mais cotados para a sucessão papal.
Correndo contra o tempo, Langdon voa para Roma junto com Vittoria Vetra, uma bela cientista italiana. Numa caçada frenética por criptas, igrejas e catedrais, os dois desvendam enigmas e seguem uma trilha que pode levar ao covil dos Illuminati - um refúgio secreto onde está a única esperança de salvação da Igreja nesta guerra entre ciência e religião.




Sou um pouco suspeita para falar de um livro escrito por Dan Brown - sou mega fã do autor - mas isso não importa.
Pessoalmente, achei a história surreal demais, mas isso não a comprometeu em nenhum momento, muito pelo contrário. Anjos e Demônios é cheio de ação e mistério, o que faz com que você não sinta vontade de parar de ler. Como todo bom suspense, você fica ansioso até a última página, porque é só no final que tudo se esclarece, e o desfecho é de deixar qualquer um boquiaberto.
E pra quem já assistiu o filme e não quer ler o livro porque "é grande e eu já sei como termina": o final do filme não tem nada a ver com o do livro (minha opinião), e além do mais, muita coisa teve que ser modificada na adaptação cinematográfica porque realmente não tinha como fazer algumas cenas sem as explicações que o autor dá nos livros... Porque senão o telespectador que não tivesse lido a obra escrita ia ficar (muito) confuso.

Mas enfim... O livro é repleto de surpresas, e tem tudo para tirar seu sono e se tornar um de seus preferidos. Super recomendado.

You Might Also Like

0 carinhos.

Deixe um comentário, ele é importante pra nós. Mas primeiro, leia o post, por favor!

Obrigada!