[Resenha] As Vantagens de ser Invisível

sábado, março 01, 2014

As Vantagens de Ser Invisível, de Stephen Chbosky, publicado pela Editora Rocco, com 223 páginas.


"A gente aceita o amor que acha que merece."


Mais íntimas do que um diário, as cartas de Charlie são estranhas e únicas, hilárias e devastadoras. Não se sabe onde ele mora. Não se sabe para quem ele escreve. Tudo o que se conhece é o mundo que ele compartilha com o leitor. Estar encurralado entre o desejo de viver sua vida e fugir dela o coloca num novo caminho através de um território inexplorado. Um mundo de primeiros encontros amorosos, dramas familiares e novos amigos. Um mundo de sexo, drogas e rock'n'roll, quando o que todo mundo quer é aquela música certa que provoca o impulso perfeito para se sentir infinito.


Comprei As Vantagens de Ser Invisível sem muita expectativa. Achei que seria apenas mais uma leitura bacana, com uma história legal e só. Eu estava enganada. O impacto que esse livro tem sobre quem o lê é enorme, e a narrativa tem um poder incrível de causar os mais variados sentimentos no leitor.
O que eu mais gostei no livro foi a forma com que ele foi escrito: em cartas. Essas cartas são redigidas por Charlie, e a perspectiva que ele tem do mundo e de sua própria vida é ao mesmo tempo singular e trivial. Ele se mantem distante de tudo, mas de uma hora pra outra chega um momento em que ele começa a encarar a vida do centro dos holofotes, e a história muda de modo espetacular.

Sendo uma história divertida, comovente e instigante, recomendo este livro à todos que procuram por uma leitura repleta de emoções, e principalmente para aqueles que almejam se sentir infinitos.

You Might Also Like

1 carinhos.

  1. Só isso para definir esse livro: Livro de cabeceira

    Duas resenhas novas, uma animação e resenha de divergente. Confiram

    http://penelopeetelemaco.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Deixe um comentário, ele é importante pra nós. Mas primeiro, leia o post, por favor!

Obrigada!